As 8 aptidões profissionais mais valorizadas pelas empresas

16/05/2022 | Santander Universidades

Ao longo das últimas décadas, a forma de avaliar um candidato que escolhe um posto de trabalho vem mudando progressivamente. Antes, dispor de formação técnica, idiomas e experiência eram o mais importante, mas agora, de acordo com a Page Personal, 70% dos empregadores utilizam testes de aptidões profissionais com o objetivo de conhecer as chamadas soft skills dos candidatos. 

Adelina Manzano, diretora da Factor Humano com mais de 30 anos de experiência na seleção de profissionais, diz que essa mudança se explica pelo fato de que "as organizações eficientes sempre precisaram de pessoas qualificadas. Mas a diferença em relação a alguns anos atrás é que agora, busca-se a qualificação profissional e, sobretudo, a pessoal". Você quer saber o que são exatamente estas aptidões profissionais tão requisitadas e quais são as mais valorizadas pelas empresas? Você vai descobrir neste artigo. 

O que são aptidões profissionais? 

As aptidões profissionais, também conhecidas como habilidades transversais ou soft skills, são todas aquelas que têm uma vertente mais pessoal e menos técnica, e que fazem com que um funcionário consiga realizar o seu trabalho de forma mais eficiente. 

A inteligência emocional, a criatividade ou o trabalho em equipe são algumas das aptidões profissionais mais valorizadas nas empresas hoje, porém há muitas outras. Embora algumas delas sejam aptidões que são encontradas de maneira inata em uma pessoa, há habilidades que podem ser aprimoradas com capacitação, experiência ou análise. Por isto, cada candidato deve conhecer quais são as suas aptidões profissionais mais destacadas, bem como quais precisa melhorar para continuar crescendo profissionalmente. 

Quando de dispõe das aptidões profissionais adequadas numa situação de trabalho, ela se desenvolve de uma maneira mais favorável e eficaz. Por exemplo, se um funcionário não sabe trabalhar em equipe, tudo será obstáculo e problema, enquanto que um colaborador que possuir esta aptidão conseguirá atuar com desenvoltura e fará com que a produtividade da equipe seja otimizada. 

 

As 8 aptidões profissionais mais valorizadas atualmente

De acordo com um estudo de Randstad, 52% dos cargos atuais podem ser automatizados total ou parcialmente durante a próxima década. No entanto, também serão criados outros postos de trabalho mais qualificados e mais bem pagos, para os quais será imprescindível possuir aptidões profissionais como inteligência emocional, criatividade e raciocínio crítico. Quer saber quais serão as 8 aptidões profissionais mais valorizadas do mercado de trabalho? 

 

Inteligência emocional

A inteligência emocional é a capacidade de uma pessoa não só de interpretar seus próprios sentimentos, mas também os daqueles que a rodeiam, algo que lhe permite se adaptar às diferentes situações que se apresentam no dia a dia de trabalho. 

Segundo Daniel Goleman, psicólogo e autor do Best-Seller Emotional Intelligence, "a inteligência emocional é responsável por 80% do sucesso na vida", portanto não é surpreendente que seja uma das aptidões profissionais mais valorizadas no ambiente de trabalho. 

Criatividade

A Vepee, e-commerce líder em vendas flash, realizou, junto com a consultoria Kantar, o primeiro grande  estudo sobre a criatividade na Espanha, no qual se demonstrou que 70% dos espanhóis acreditam que a criatividade consiste em gerar novas ideias e inovar. Os mais jovens, por outro lado, a enxergam como uma forma de desenvolver e resolver problemas, algo realmente necessário no contexto profissional. 

A inovação (35%), a curiosidade (36%), ter uma mente aberta (48%) e a imaginação (69%) são consideradas como as principais aptidões de uma pessoa criativa, enquanto o medo do que as pessoas dirão ou a falta de autoconfiança são seus piores inimigos. Incentivar a criatividade através da experimentação, compartilhar ideias e a aprendizagem contínua são, sem dúvida, essenciais no mundo profissional.

Aptidões profissionais

Iniciativa

Segundo Tania Arita, gerente regional do Manpower Group, estatísticas internas indicam que uma das aptidões profissionais mais escassas entre seus colaboradores são a iniciativa e a proatividade, e, apesar disso, elas estão justamente entre algumas das mais exigidas. 

Demonstrar iniciativa, interesse e oferecer novas ideias para seguir melhorando de maneira constante, bem como se sentir envolvido com uma marca, é uma caraterística que, sem dúvida, é muito valorizada pelas empresas. 

Trabalho em equipe

De acordo com um estudo da Gallup, as equipes com alto grau de comprometimento têm melhor interação com o cliente, maior produtividade, melhor retenção e são 21% mais rentáveis para as empresas. Portanto, saber trabalhar em equipe hoje em dia é fundamental. 

Possuir a habilidade de saber interagir com outras pessoas, distribuir tarefas de forma equitativa, ou trocar ideias com respeito visando o bem comum são algumas das aptidões profissionais demonstradas por alguém que sabe trabalhar em equipe.

Resolução de problemas complexos

O raciocínio crítico e a resolução de problemas estão no topo da lista de competências cuja demanda irá crescer nos próximos cinco anos, como destaca o relatório The Future of Jobs Report 2020, do Fórum Econômico Mundial. 

De acordo com o mesmo relatório, algumas das áreas de maior peso do mercado de trabalho do futuro, como Computação em Nuvem, Big Data, Inteligência Artificial (IA) e Marketing, exigirão profissionais que, além de terem as competências necessárias, possuam também a capacidade de resolver problemas complexos de forma rápida e eficaz. 

Capacidade de liderança

O estudo 8 essential skills to succeed in a post-COVID-19 world, da Comissão Europeia, assegura que a liderança será uma das aptidões profissionais mais importantes na sequência da descentralização do trabalho devido à pandemia de Covid-19.

Cada vez mais, as empresas estão permitindo o trabalho remoto, e contar com profissionais em cargos intermediários com boas competências de liderança será fundamental para manter as equipes unidas, incentivando a colaboração e motivando e inspirando seus colegas de trabalho.

Aptidões profissionais

Capacidade de comunicação 

Warren Buffet é uma das pessoas mais ricas do mundo e é considerado um dos melhores investidores. Contudo, aos 21 anos de idade, Buffet tinha pânico de falar em público. Para resolver o problema, ele se inscreveu num curso de US$ 100, graças ao qual se transformou no brilhante comunicador que é hoje. "Esse curso de US$ 100 me deu o certificado mais importante que tenho", disse Warren Buffet em uma de suas conferências. 

Ter boa capacidade de comunicação permite demonstrar empatia com seus interlocutores, adaptar-se às circunstâncias e saber transmitir as suas ideias aos outros de forma simples – algo que pode ser realmente vantajoso na hora de se trabalhar em equipe e no ambiente de trabalho. 

Carl Zangerl, diretor dos programas de comunicação e gestão de recursos humanos da Faculdade de Estudos Profissionais da Northeastern University, afirma: "ao longo da minha carreira, observei que, se você tiver excelente capacidade de comunicação, tem mais opções para ocupar uma posição de liderança, mesmo sem estar entre as melhores em termos de qualidades técnicas".

Resiliência

A última das oito aptidões profissionais mais valorizadas no mercado de trabalho é a resiliência, ou seja, a capacidade de se adaptar rapidamente a situações ambíguas e intercambiáveis. Num ambiente de trabalho como o atual, onde tudo evolui muito rapidamente, ser resiliente tornou-se necessário.

Segundo um relatório da McKinsey, saber se adaptar a novas circunstâncias, ser flexível, lidar com crises filosóficas e saber se sobrepor a elas será uma das 5 aptidões profissionais mais exigidas do mundo do futuro.

Como você viu ao longo de todo o artigo, dispor destas aptidões profissionais, entre outras, abrirá as portas do mercado de trabalho do futuro, onde, em meio a tanta automação e tecnologia,  as habilidades humanas serão mais valorizadas do que nunca. Potencializar as aptidões profissionais inatas e aprimorar as que não se tem através da formação será crucial para amplias as suas possibilidades de alcançar seus objetivos profissionais. 

Por esse motivo, para ajudar as pessoas a progredir, superar os desafios apresentados pela quarta revolução industrial e crescer de forma inclusiva e sustentável, o Banco Santander está comprometido com três conceitos chave para promover a empregabilidade: aprendizagem contínua, reciclagem profissional e formação adicional. Para este fim, ele conta com o portal de Bolsas Santander, um programa global, único e pioneiro.

Se você busca continuar crescendo tanto pessoal como profissionalmente, consulte o portal de Bolsas Santander, onde encontrará centenas de oportunidades para se formar junto a instituições de prestígio internacional. Você poderá ter acesso a capacitação em tecnologia, idiomas, estudos, pesquisa, soft skills, práticas e liderança feminina, que ajudarão você a melhorar a sua empregabilidade ou redirecionar a sua carreira profissional.

Quer se tornar um lifelong learner e continuar aprendendo para aumentar suas oportunidades de trabalho? O portal de Bolsas Santander oferece diversas opções para que você possa alcançar os seus objetivos. Consulte a plataforma e lembre-se, você pode se inscrever em tantos programas quanto quiser. Aproveite a oportunidade!

Más posts interesantes que leer...