Os 6 idiomas mais falados do mundo

05/04/2022 | Santander Universidades

Você sabia que existem cerca de 7.097 idiomas no mundo? É isso o que revela a revista Ethnologue. Sem dúvida, trata-se de uma diversidade linguística que, com uma população mundial de aproximadamente 7,9 bilhões de pessoas, não é de estranhar. No entanto, a distribuição dos falantes é muito desigual: enquanto alguns idiomas são falados por 14% da população mundial, outros estão prestes a desaparecer.

Neste artigo, descubra quais são os seis idiomas mais falados do mundo, em ordem crescente de falantes nativos e não nativos, os que têm a maior distribuição geográfica, além de algumas de suas curiosidades, como quais estão mais ligados a certas esferas, como a arte e a cultura, o âmbito profissional ou o contexto social.

6. Francês: uma língua de grande importância cultural

O francês tem um total de 267 milhões de falantes. No entanto, deste número total, apenas 77 milhões são falantes nativos. Embora sua relevância na educação tenha se reduzido nos últimos anos a favor do inglês, ele ainda goza de grande prestígio e, por isso, é o terceiro idioma mais falado como língua estrangeira

Por um lado, possui grande importância na União Europeia, especialmente no domínio cultural e artístico, onde é uma das línguas de trabalho. Por outro, o francês é o idioma oficial em 29 países de todo o mundo, de modo que é uma forma de comunicação a se ter em conta na colaboração internacional. Sem ir mais longe, ele concorre com o inglês como língua de intercâmbio na Europa.

5. Árabe: a segunda língua no mundo dos negócios

O árabe padrão é uma reunião de diferentes variedades e conta, no total, com 274 milhões de falantes nativos, sendo o quinto idioma mais falado do mundo. É uma língua de intercâmbio no mundo muçulmano e serve de ponte entre dialetos tão distintos uns dos outros que, muitas vezes, não são inteligíveis entre si. 

O árabe é oficial em vinte países e atua como língua de negócios, como é o caso do inglês, embora de forma mais localizada, em países como Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos e Kuwait. Apesar de ser falado principalmente nesses territórios, esse idioma tem experimentado um ligeiro crescimento fora de suas fronteiras devido à expansão econômica da região e dos fluxos migratórios. Desse modo, é crescente a oferta de cursos de árabe tanto online como presenciais.

idiomas mais falados

4. Espanhol: uma língua em crescimento

Tanto em termos de extensão geográfica como por número de usuários, o espanhol ocupa, com 543 milhões de falantes, o quarto lugar entre os idiomas mais falados, o segundo se contarmos apenas os falantes nativos. 

Embora tenha fortes variações regionais, existe um claro vínculo cultural entre os países de língua espanhola, e ele é utilizado como língua de intercâmbio entre a Europa e a América Latina. Além disso, devido ao fluxo migratório entre os Estados Unidos e a América Latina, aumentou o interesse pelo espanhol como segundo idioma e, por isso, não é de surpreender que o espanhol seja a quarta língua mais estudada no mundo.

3. Hindi: uma dos idiomas oficiais mais comuns da Índia

Uma das peculiaridades dos idiomas da Índia é o grande número de línguas co-oficiais que existem. O hindi, com 341 milhões de falantes nativos, é uma língua co-oficial na Índia, junto com 21 outros idiomas, inclusive o inglês. Em uma área com uma variedade linguística como esta, o hindi atua como língua franca entre muitos falantes não nativos e, devido à densidade populacional dessas regiões, o número total de falantes atinge 600 milhões

No entanto, como acontece com o árabe, fora da Índia e seu entorno imediato, ele não é um idioma amplamente difundido, embora existam comunidades de falantes de dimensão considerável em países como Fiji e Trinidad e Tobago.

2. Chinês mandarim: o idioma com mais falantes nativos 

O chinês mandarim é o conjunto de dialetos chineses falados no norte, centro e sudoeste da China. Com 918 milhões de falantes nativos, é a língua com mais falantes nativos do mundo, embora se somarmos a esta cifra os falantes de mandarim como língua estrangeira, este número chega a 1,12 bilhão, o segundo idioma mais falado no mundo

Ele é utilizado principalmente na China, Taiwan, Malásia, Indonésia e Singapura, onde funciona como língua de negócios. Também é empregado com frequência em outros países mais distantes, como Austrália, Canadá e Estados Unidos, devido aos fluxos migratórios e à comunicação comercial e empresarial. No entanto, nestas regiões, embora existam comunidades significativas de usuários do chines mandarim, algumas das quais chegam a representar mais de 5% da população, seu uso no dia a dia é menos comum.

idiomas mais falados

1. Inglês: o idioma de intercâmbio por excelência

O inglês conta com 1,348 bilhão de falantes, dos quais 379 milhões são nativos. No entanto, este número parece continuar crescendo, pois é a língua mais estudada no mundo e a mais utilizada para intercâmbios internacionais, tanto pessoais como profissionais

Seu sucesso se deve, em parte, à antiga presença colonial britânica, mas também à imensa quantidade de conteúdos culturais e científicos disponíveis neste idioma. Este status como língua franca internacional também lhe atribui algumas particularidades, como o surgimento de variações que facilitam a aprendizagem por falantes não nativos e elementos regionais distintos que, pouco a pouco, geram dialetos, como o Globish ou o euroinglês.


Como se vê, há uma grande variedade de formas de se comunicar em todo o mundo. Aprender um novo idioma não só abre uma porta para outras realidades, como também traz diversos benefícios, como, por exemplo, segundo um estudo de Chicago, aprender uma língua estrangeira ajuda a tomar decisões melhores e mais rápidas. Da mesma forma, ter um bom domínio de outro idioma e demonstrar suas habilidades comunicativas com confiança e naturalidade pode expandir consideravelmente sua empregabilidade

Por tudo isso, que tal acrescentar outro idioma à sua lista? Para ajudar as pessoas a progredirem, superar os desafios da quarta revolução industrial e crescer de forma inclusiva e sustentável, o Banco Santander está comprometido com três conceitos-chave para promover a empregabilidade: aprendizagem contínua, reciclagem profissional e formação complementar. Para isso, conta com o portal Bolsas Santander, um programa global, único e pioneiro.

Se você busca continuar crescendo, tanto pessoal quanto profissionalmente, consulte o portal de Bolsas Santander, que reúne centenas de oportunidades de formação em instituições internacionais de prestígio. Você poderá acessar treinamentos em tecnologia, idiomas, estudos, pesquisa, soft skills, estágios e liderança feminina, que te ajudarão a melhorar sua empregabilidade e redirecionar sua carreira profissional.

Quer se tornar um lifelong learner e continuar aprendendo para aumentar suas oportunidades de trabalho? O portal Bolsas Santander oferece muitas opções para que você possa atingir seus objetivos. Consulte a plataforma e lembre-se, você pode se inscrever em quantos programas quiser. Aproveite a oportunidade!

Ver mais posts interessantes...